Aumente o seu conhecimento no Mundo Florestal

Junte-se à milhares de especialistas e conhecedores nas áreas de Floresta e Meio Ambiente.

Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.

Os caminhos do agronegócio e meio ambiente para 2016

O cenário em 2016, assim como no ano passado, continua desafiador para o agronegócio e o meio ambiente.

Assim como os ajustes realizados pelo governo federal, e que já estão impactando as atividades do setor do agronegócio, há ainda uma preocupação com os recursos hídricos, sobretudo por conta da crise hídrica que ainda continua sendo um problema para o país.

Frente a isso temos ainda as metas da Conferência da ONU, sobre Mudanças Climáticas, COP21, realizadas em Paris, no ano passado, para serem cumpridas e combatermos o aquecimento global.

Isso quer dizer que o agronegócio precisa estar preparado para atingir objetivos distintos, sem perder mercado.

No setor que abarca as indústrias que promovem o plantio de árvores para negócios, gerando celulose, madeira, dentre outros produtos necessários à humanidade, tal questão se impõe de maneira ainda mais forte.

Assim, a situação passa pelo uso eficiente e sustentável das terras e florestas, e obediência à legislação com vistas à proteção de áreas reservadas.

Sendo assim, as arvores plantadas já devem estar alinhadas a um projeto de manejo sustentável, para mitigar os impactos e ainda promover o desenvolvimento econômico e social, sobretudo das comunidades vizinhas a estas áreas.

Intercalar, portanto, matas nativas as florestas industriais, além da pecuária, bem como proteger nossos mananciais, por meio do reuso da água, é uma tendência necessária que cada vez mais se impõe, com vistas à biodiversidade e manutenção de ecossistemas.

Técnicas de plantio, manejo, e uma operação coordenada entre setores, realizada por profissionais com capacidades distintas, seria um caminho para a garantia de que todas as atividades estejam em harmonia, com vistas ao bem da coletividade.  

 

Técnicas de recuperação do solo são iniciativas tomadas para um recomeço de áreas degradadas. Saiba mais.

Fonte: Opiniões

Celulose e Papel

Floresta Nativa

Meio Ambiente e Regulamentos

Notícias

Produção, Manejo e Colheita

Uso da Madeira

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado.

Cadastre-se e receba conteúdos exclusivos para se destacar no mercado
(Campos com * são obrigatórios)
Deixe seu comentário:

Comentários

Esta publicação não possui comentários.

Conecte-se ao mundo Florestal gratuitamente!



Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.
Sites relacionados
Revista Agropecuária Revista Veterinária Portal Suínos e Aves Escola do Cavalo
© 2019 Tecnologia e Floresta. Todos os Direitos Reservados.